segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Atrite-se.

"Ninguém muda ninguém; ninguém muda sozinho; nós mudamos nos encontros. Não existem sentimentos, bons ou ruins, sem a existência do outro, sem o contato. Por muito tempo em minha vida acreditei que amar significava evitar sentimentos ruins. Não entendia que ferir e ser ferido, ter e provocar raiva, ignorar e ser ignorado faz parte da construção do aprendizado do amor. Não compreendia que se aprende a amar sentindo todos esses sentimentos contraditórios e principalmente os superando. Esses sentimentos simplesmente não ocorrem se não houver envolvimento. E envolvimento gera atrito. Então, minha palavra final: atrite-se! Não existe outra forma de descobrir o AMOR. E sem ele a VIDA não tem significado.

(Roberto Crema)

Nenhum comentário:

Postar um comentário